Light, diet, integral ou zero: qual consumir?

Na hora de reformular o cardápio é comum inserir novos e diferentes alimentos.

Mas dúvidas surgem em frente às prateleiras do supermercado, com produtos de todos os sabores, tamanhos e, em especial, versões: light, diet, integral e zero.

E aí, qual escolher?

Saiba mais sobre cada um

Seja qual for o objetivo (perder peso, obter hipertrofia, condicionamento físico ou reeducação alimentar) é fundamental prestar atenção nos rótulos dos produtos que passam a integrar a alimentação. Afinal, temos que saber o que colocamos em nosso organismo, né?

Parceira da Academia 24h, a nutricionista Dra. Karen Chisthina M. Rovida explica quais são as características de cada versão.

Fique de olho!

Integral

Mantém a integridade de seus nutrientes (vitaminas, minerais e fibras) sem perda de valores consideráveis, já que não passaram por nenhum processo de refinação na industrialização.

Estes alimentos são excelentes para acelerar o metabolismo e auxiliam na saciedade, reduzindo a fome, regulação intestinal e ingestão menor de gorduras, ajudando no emagrecimento. Outra grande e importante vantagem é que o açúcar do alimento é liberado aos poucos na corrente sanguínea. Isso é ótimo para pessoas com diabetes ou até mesmo para prevenir a doença.

Atenção:Apesar de seus valores nutricionais e de proporcionar benefícios ao organismo, quando consumido em excesso, pode causar desconfortos digestivos como gases, inchaço abdominal e alteração no funcionamento do intestino. Consuma de acordo com a recomendação diária, de três a cinco porções. As fibras sozinhas, sem a água, ressecam e podem prender o intestino. Por isso, beba, no mínimo, 2 litros de água por dia.

saladinha_baixaLight

São considerados produtos light, aqueles que apresentam redução mínima de 25% das calorias ou de algum nutriente em relação ao original, como, por exemplo, gordura, açúcares ou sódio.  Isso quer dizer que o alimento continua ter esse componente, mas em menor quantidade.

Ele é indicado para quem busca por uma alimentação saudável ou quer emagrecer.

Atenção: Nem todo alimento light é próprio para perda de peso. A redução calórica em certos alimentos é muito pequena e pode acabar no consumo de uma quantidade igual ou até maior de calorias, quando comparada ao consumo moderado de algo não light.

Zero

Indica restrição ou isenção de algum nutriente em comparação com a versão tradicional. Por exemplo, se a restrição for de açúcares, o produto ainda deve conter um valor calórico reduzido. De modo geral, é semelhante ao alimentos light.

Restrição: Somente quando o alimento é zero por isenção de açúcares, pode ser consumido por portadores de diabetes.

Diet

São alimentos com modificações especiais para se adequar a diferentes dietas com necessidades especificas, como o açúcar (no caso dos diabéticos), o sal (hipertensos), o glúten (celíacos) ou a gordura (para quem tem colesterol alto).

Atenção: Produtos diet não são necessariamente menos calóricos que os tradicionais. Por exemplo, chocolates e sorvetes diet são mais calóricos do que o produtos convencionais. Acrescenta-se gordura para manter sabor e maciez ao produto.

#Dica24h: Agora você já sabe um pouco mais sobre cada produto, mas lembre-se, antes de começar uma dieta consulte um nutricionista.

Posts relacionados

Deixe um comentário