Supino sem erro. Dicas ajudam fazer o exercício de forma certa – parte I

#

Na musculação, um dos exercícios mais famosos e praticados é o supino.

Cientes de seus benefícios, homens e também mulheres (por que não?) investem no exercício.

O supino é versátil: pode ser realizado em um treino voltado para a hipertrofia e também na perda de gordura nos braços, ou até para adquirir mais resistência na região dos braços e ombros.

E qual músculo trabalha?

O supino exercita os músculos peitorais, mas sua principal finalidade é trabalhar os grupos musculares do tríceps e do deltoide (músculo do ombro).

Cada variação tende a tonificar uma parte específica. Por exemplo, o supino inclinado foca mais nos músculos peitorais superiores, enquanto o supino declinado trabalha a musculatura peitoral inferior.

O mais tradicional é o supino reto, aquele em que a pessoa fica deitada em um banco plano em 180°.

Este exercício envolve algumas técnicas de posicionamento das mãos, braços, respiração, pés, entre outros. E para evitar lesões é importante dominar os movimentos e ficar atento as instruções dos professores.

Para dar aquela ajudinha básica, a Academia 24h separou 10 dicas para realizar o supino de forma certa!

Nesta primeira parte, saiba como iniciar o exercício:

Posição dos pésOs pés devem permanecer apoiados no chão. O indicado é que não sejam levantados durante o movimento. Caso você seja baixinho (a), coloque os pés em cima do banco;

Punho – Punhos devem estar retos e nunca flexionados;

Braços – Extensão total dos cotovelos, sem travar a articulação;

Cotovelo – Os cotovelos precisam estar alinhados aos ombros.

#Dicas24h: Fique ligado! Semana que vem tem mais!

Posts relacionados

Deixe um comentário